NÃO QUERO PECAR DEIXANDO DE ORAR!

postado em: Artigos | 0

“Quanto a mim, longe de mim que eu peque contra o Senhor deixando de orar por vós…” 1 Samuel 12.23
Uma alegria contagiante vem nos tomando em todos os encontros de oração às terças feiras no Templo da nossa Igreja!
Sabemos que a oração pode evitar muitas angústias e proporcionar grandes alegrias. Israel estava enfrentando fortes lutas contra seus inimigos e por não confiar em Deus o povo lhe pediu um rei. No entanto, embora Saul já reinando, a pressão persistia e o medo imperava. Tomados pelo grande temor, os israelitas imploraram que o profeta Samuel orasse em favor deles. Em resposta ao clamor do povo, Samuel aproveita e exorta-os a seguirem ao Senhor, para evitar mais juízo. E, em seguida Samuel faz uma declaração reveladora: “E quanto a mim, longe de mim que eu peque contra o SENHOR, deixando de orar por vós.” (1Sm12.23). Amados irmãos, o profeta entende que se não orasse pelo povo, estava pecando contra Deus.
Caminhemos um pouco mais sobre a oração:
1) A ORAÇÃO ALEGRA O CORAÇÃO DO PAI
Vemos na oração do Pai nosso (Mt 6.9-10) uma manifestação tão especial e sincera de comunhão e relacionamento na expressão paterna do Senhor conosco (Pai nosso). Deus quer ter comunhão conosco e a oração nos leva a essa intimidade da qual temos uma amostra no relacionamento de pais e filhos. Quem é Pai sabe do significado de ter o filho chegando para um tempo de conversa e Comunhão. Há quem diga “Não tenho tempo para orar, meu dia está muito cheio!”. Devemos nos avaliar com coragem porque talvez o dia não esteja cheio de afazeres, mas vazio de Deus!
A nossa oração agrada o coração do Pai, também, traz intimidade e alegria aos nossos corações.
2) A ORAÇÃO REDIRECIONA A ROTA PROPORCIONANDO LIVRAMENTO – Mt 6.13
Ao deixarmos de orar abrimos a porta a todos os demais pecados. Jesus revela isso claramente em Marcos 14.38 “Vigiem e orem para não caírem em tentação. O espírito está pronto, mas a carne é fraca.” A oração muda as coisas. Tudo pode ser mudado pela oração. O doente prestes a morrer pode ter seus anos de vida prolongados através da oração (Tg 5.13-15). A oração pode mudar o destino de um país inteiro. A oração de Abraão mudou a história de uma nação (Gn 20.17-18). Se a oração faz bem e não oramos, a Bíblia diz que “Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado.” (Tg 4.17). Orar para evitar o mal.
3) A ORAÇÃO NOS CONECTA AO TRONO DA GRAÇA – Pv 3.27
A oração nos conecta diretamente ao trono da graça, de onde vem todo dom perfeito e toda boa dádiva (Tg 1.17). Quando oramos, abrimos a porta para Deus solucionar nossos problemas e trabalhar nosso caráter através deles. O secreto que só Deus vê gera recompensas que só Deus dá (Mt 6.6). Portanto “dez minutos orando são melhores do que um ano murmurando” (Spurgeon). “A oração é o antídoto para todas as nossas aflições” (João Calvino). A oração alivia o coração! Quero concluir esta breve reflexão dizendo que a oração deve ser, sempre, nossa primeira atitude em cada desafio. Deve ser o nosso estilo de vida. É a oportunidade especial de Deus para o seu povo na Comunhão com Ele. Ela pode até mudar o destino de uma nação inteira. Ela é a chave que move o coração dAquele que move o mundo (Is 38.5). Se você não quer cair aprenda a se ajoelhar.
Assim, convocamos a todos de perto ou longe a nunca negligenciar a oração. Ore em seu lar, ore no trabalho, ore no tempo de lazer, ore no Templo! Com determinação, evite o pecado de não orar.


Pr. Adilson Ribeiro